"Good cats are dead cats"

.

.

Seja bem vindo ao meu mundo onde a fantasia é a única realidade!

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Do céu ao curioso

Eu estava no meu quarto, mas ele era da forma de como era à alguns anos atrás. O chão era forrado por taco, perfeitamente encerado. As paredes brancas continham alguns desenhos que fiz quando criança(que resultaram em boas palmadas =X). Eu estava com o cabelo trançado até a cintura, sentada encima da minha cama, com um vestido roxo rendado. Nas mãos, eu dedilhava, um violão, velho, na verdade esse foi o primeiro violão que ganhei.
Bateram na porta do meu quarto, eu deixei o violão de lado e fui abri-la. Era um homem que brilhava mais do que o Sol, sua roupa era de um branco que não existe aqui na terra.
Eu o reconheci, pelo o que já havia lido na Bíblia.
- E ai Gabriel, lutando muito lá em cima?
- Ah, você sabe como é , mas está tudo dentro do controle de Deus. Mas sem delongas, vim aqui para te pedir um favor.
- Eu? Eu mesma?
- Sim, não sei se você ficou sabendo, mas o número de pessoas que crêem em Deus está aumentando.
- É, eu li algo a respeito.
- Então, nós vamos fazer uma festa lá no céu, e precisamos que você ensaie o nosso coral.
- Eu??? Mas existem tantas pessoas mais capacitadas!
- Deus escolheu você!
- Mas eu não posso ir lá agora, eu estou em época de provas aqui.
- Não se preocupe eu trouxe o resto do pessoal.
Nisso entrou um batalhão de anjos no meu quarto, eles eram extremamente altos e brilhantes.
Os coloquei em posição de concha, distribuindo as vozes de baixo à soprano.
Ensaiamos a musica Agnus Day.
Sinceramente, acho que foi o sonho que me deu o som mais lindo que já ouvi em toda minha vida.
Acordei, mudei de lado na cama, e peguei no sono de novo.